Vídeos

Loading...

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Caso Celsinho - 4ª Parte: Bangu consegue livrar Celsinho de gancho diante do Pleno do TJD/RJ


Lateral teve punição de seis jogos reduzida para duas partidas de 
suspensão, já cumpridas


Arte/Site Justiça Desportiva


Brigando para deixar a lanterna da Taça Rio, o Bangu teve uma boa notícia na 
última quinta-feira, dia 11 de abril. O lateral Celsinho, punido com seis jogos de 
suspensão em primeira instância, teve a pena reduzida para apenas duas 
partidas diante dos auditores do Pleno do Tribunal de Justiça Desportiva do
Rio de Janeiro (TJD/RJ). O jogador já havia desfalcado o time em duas rodadas 
e, com o resultado, segue livre para a sequência da competição.

Celsinho recebeu o vermelho na partida contra o Duque de Caxias, realizada 
no dia 16 de março. De acordo com o árbitro, o camisa 2 do Bangu estava 
fora do campo de jogo em atendimento médico, quando entrou em campo, 
driblou o goleiro adversário e chutou a bola em direção ao gol. 
“O jogador expulso, que se encontrava fora do campo de jogo para atendimento 
médico, retornou ao campo pela linha de fundo sem autorização e com a cabeça 
cortou a bola em cima da linha do gol”, relatou o árbitro na súmula.


A atitude de Celsinho rendeu denúncia com base em três artigos do Código 
Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): 250 (ato desleal), 258-B (invadir o campo) 
e no 258 (conduta contrária à disciplina e ética desportiva). Julgado no dia 2 de abril, 
o lateral foi punido com dois jogos de gancho em cada artigo, totalizando 
seis partidas de suspensão.

O setor jurídico entrou com o pedido de efeito suspensivo, que foi negado pelo 
TJD/RJ. Assim, ele ficou sem atuar até o caso chegar ao Pleno, na última 
quinta. Diante dos auditores, o advogado Tiago Amaro pediu que a conduta 
de Celsinho fosse enquadrada em apenas um dos artigos e a pena fosse 
reduzida. Após as sustentações, apenas o artigo 258 foi mantido, com a punição 
de dois jogos de gancho.

Como não atuou diante do Audax (23/3) e do Flamengo (27/3), Celsinho já 
cumpriu a pena integralmente. Assim, o lateral segue à disposição do Bangu para 
o jogo deste fim de semana. No sábado, dia 13 de abril, o time enfrenta o Macaé, 
às 16h, no Moacyrzão. Com apenas três pontos somados, o Bangu está na lanterna 
do Grupo B.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário passará por analise da administração do blog. Obrigada.